Tabanata Matsuri 2017 : Como foi?

Neste último final de semana a Praça da Liberdade recebeu o Tanabata Matsuri, que apesar de ser um evento bem menos ‘’badalado’’, já é bem tradicional e neste ano teve sua 39ª edição celebrada. Sempre realizado no mês de julho na Praça da Liberdade em São Paulo, onde as ruas são decoradas com grandes ramos de bambu que recebem ornamentação de enfeites coloridos de papel, simbolizando as estrelas. Nesses bambus também são pendurados os tanzaku, pequenos pedaços coloridos de papel onde as pessoas colocam seus pedidos a serem entregues aos deuses. Nós estivemos lá no primeiro dia da festa, vamos ver como foi.

Local:

 

Se você já esteve no bairro da Liberdade, principalmente em algum final de semana, você sabe bem como é o ‘’esquema’’. Tem a famosa feirinha com barraquinhas de souvenires e outras ‘coisitas’, os mercadinhos e comércios locais, além das barracas de comida, isso é claro somado a uma grande quantidade de pessoas transitando pelo local.

No Tanabata Matsuri não é diferente, você encontrará a mesma feirinha de sempre com o aditivo de mais algumas barracas na Rua Galvão Bueno que fica fechada para o evento, além é claro do palco de apresentações.

Porém uma coisa é um grande fluxo de pessoas num pavilhão gigantesco, preparado para receber eventos, outra é um grande fluxo no espaço limitado de uma rua. Ou seja, é beeem difícil transitar pelo evento, e se você não é uma pessoa muito paciente recomendo manter distância deste tipo de ambiente.

 

Evento:

Na região do palco não há cadeiras, então assistir a muitas atrações seguidamente pode se tornar uma prova de resistência. Na programação teve taiko, dança folclórica, música e atrações internacionais.

Comprar o seu tanzaku para fazer o seu pedido não foi difícil, haviam várias barraquinhas vendendo e apesar de cheio foi bem rápido. O valor de R$ 2 reais por pedido pareceu justo (será que os Deuses atendem apenas a pedidos relativamente do mesmo valor?).

Então se você já é um frequentador do bairro da Liberdade, o Tanabata Matsuri não vai te apresentar muitas novidades, principalmente se você havia ido no Festival do Japão uma semana antes. A grande atração realmente é a tradição de fazer os pedidos, que com toda a decoração que a rua toma para o evento se torna realmente especial.

Agora se você está ingressando agora no universo dos eventos de cultura japonesa, ou nunca foi ou vai pouco à Liberdade, será uma experiencia bem diferente e eu acredito que positiva para que você desfrute ainda mais das atrações, comida e também dos arredores do bairro que é riquíssimo em cultura e também em produtos orientais.

 

Share This: